juarezjornalista

Policiais fazem curso de combate à corrupção

São capacitados 80 alunos entre delegados, investigadores e escrivães da Polícia Civil, além de representantes da Polícia Federal, MP, TJ, TCE e Controladoria Geral

cursoA Escola Superior da Polícia Civil (ESPC) promove durante esta semana o Curso de Capacitação e Treinamento em Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro, que faz parte do Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro, do Ministério da Justiça.

Com a parceria junto à Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária, são capacitados 80 alunos entre delegados, investigadores e escrivães da Polícia Civil, além de representantes de outras instituições, como Polícia Federal, Ministério Público, Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas e Controladoria Geral.

O curso tem duração de quatro dias, com encerramento na sexta-feira (12), e conta com aulas práticas e teóricas ministradas por policiais e professores convidados. Eles abordam temas como técnicas no combate contra a corrupção, lavagem de dinheiro e desvio de verbas públicas, entre outras categorias.

De acordo com o secretário da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita, a capacitação vai colaborar para melhorar a qualidade dos serviços que a polícia presta à sociedade. “É uma iniciativa importantíssima, pois a sociedade exige mais da polícia hoje, mais técnica e mais qualidade de trabalho. E é só com ferramentas contra a lavagem, ação controlada, e instrumentos contra o crime organizado que a gente pode melhorar a qualidade”, diz.

Para o delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Naylor Gustavo Robert de Lima, a capacitação permitirá policiais cada vez mais preparados para atuarem no Paraná. “A ideia do curso é combater a corrupção e a lavagem de dinheiro. Esperamos, com esta ação, aprimorar o combate a este tipo de crime, inicialmente com a capacitação dos nossos policiais”, conta.

Segundo o vice-diretor da Escola Superior da Polícia Civil, Cristiano Quintas, o curso é mais uma ação de parceria entre instituições, que irá formar policiais e autoridades para combater esta modalidade de crime.

“Estamos aproveitando a parceria com o Ministério da Justiça. Nós priorizamos a questão do crime organizado, a lavagem de dinheiro e a corrupção e, para isso, a realização deste curso é muito importante. A escola se sente gratificada e se empenha na para trazer novos instrumentos para os policiais civis poderem atuar também nesta frente de trabalho”, afirma.

Já o delegado responsável pelo Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro do Paraná, Alessandro Roberto Luz, afirmou que o curso é muito esperado pelos policiais. “Esse curso é requisitado em todo o País e já estava em preparação antes mesmos da inauguração do nosso laboratório. Espero a iniciativa possa estreitar ainda mais a nossa relação com o Ministério da Justiça e que isso seja a porta de entrada para outras iniciativas que a Polícia Civil possa sediar”, explica.

O representante do Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional da Secretaria Nacional de Justiça, Isalino Antônio Giacomet Junior, agradeceu a parceria entre as instituições. “É uma grande satisfação para o Ministério da Justiça compartilhar este curso aqui no Paraná. Este curso já capacitou cerca de 15 mil agentes públicos e este não é um crime fácil de lidar, o que merece uma atuação conjunta dos órgãos”, ressalta.

Laboratório

O Laboratório de Tecnologia contra Lavagem de Dinheiro foi criado em dezembro de 2014. A estrutura, vinculada à Agência de Inteligência da Polícia Civil do Paraná, foi instalada mediante acordo de cooperação técnica com a União e visa a identificação de atividades ilícitas, com a aplicação de soluções tecnológicas, envolvendo profissionais especializados e capacitados.

Informações da ANPr.

Comentar

Impakto nas Redes Sociais

                                   

 

blogimpakto.        sicride      CONTASABERTAS       horasc    acervo        kennya6    ricardo    EAD  codigoeticajor    jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web