jornalista1

Nomeado diretor na PM do RJ policial que respondeu por jogar ácido na mulher

oc1301 A Polícia Militar do Rio de Janeiro nomeou o tenente-coronel Vítor Augusto Rodrigues Serra como responsável pela Diretoria de Manutenção e Suprimento de Armamento (DMSArm). Há quase cinco anos, o PM, então major da instituição, respondeu a inquérito por discutir com a mulher, a também major Patrícia Lima Serra, e jogar ácido nela.

A 1ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar, da Corregedoria da PM, autuou o major Serra por lesão corporal leve. De janeiro de 2014 para cá, o major Serra foi inocentado e promovido a tenente-coronel.

A mulher dele não foi atingida pelo líquido porque se esquivou do ataque, segundo a investigação. O PM também foi suspeito de atear fogo na própria residência. Na época, o casal era lotado no Centro de Instrução Especializada em Armamento e Tiro.

Fonte: diariodocentrodomundo

 

Comentar

vetenuo

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

Impakto nas Redes Sociais

                                   

www.impactocarcerario.com.br

 

blogimpakto  acervo         jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web