juarezjornalista

Detentos conseguem realizar fuga em massa por túnel no CDPM 2 | PM realiza buscas

pc1405

A Secretária de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) iniciou uma operação após 35 presos fugirem por um túnel do Centro de Detenção Provisória de Manaus II (CDPM II), neste sábado (12). Os efetivos da Polícia Militar, Polícia Civil, Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop) e Secretaria Executiva Adjunta de Inteligência (Seai) estão nas ruas para reforçar a segurança e recaptura de detentos foragidos. Até o início da noite deste sábado nenhum tinha sido recapturado.

De acordo com a SSP-AM, desde as primeiras informações sobre a fuga, as forças policiais estão atuando e auxiliando a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) na contagem, identificação e revista dos presos.

O Comando-Geral da Polícia Militar informou que realiza incursões ao redor do complexo prisional na BR-174 (Manaus/Boa Vista) e também tem feito sobrevoos com o helicóptero Águia. Tropas das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), Companhia de Operações Especiais (COE), Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) e a Força Tática estão reforçando o patrulhamento em missões especiais nas estradas e em toda a cidade.

Já as equipes da Delegacia Geral da Polícia Civil estão fazendo varreduras em diversas áreas da cidade e na zona rural. A ação envolve policiais do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc). Todos os dez Distritos Integrados de Polícia (DIP) de plantão estão empenhados na missão.

“A lista com o nome e as fotos dos foragidos já estão em posse dos agentes de segurança e a missão é recapturar os apenados, reconduzindo-os novamente ao sistema prisional”, informou em nota a SSP-AM.

A SSP-AM pediu ajuda da população para informe de forma sigilosa informações que possam auxiliar localizar os detentos foragidos. As denúncias podem ser feitas pelo telefone de denúncias 181 e do 190 ou ainda pelo WhatsApp da Seap no telefone (92) 99297-3068. 

foragidos 120518

Fuga em massa

Na manhã deste sábado, 35 do CDPM II. O número foi atualizado após contagem e vistoria em todos os pavilhões do local. A fuga ocorreu por meio de um túnel próximo a área externa do pavilhão 5.

Dentre os presos foragidos estão homicidas, estupradores e traficantes de drogas de alta periculosidade.

Essa foi primeira fuga em massa do CDPM II, que é a mais nova unidade prisional do estado. O presídio foi inaugurado no dia 29 de setembro de 2017, construído na BR-174, é a primeira unidade prisional no estado do Amazonas a ter um espaço destinado a tratamento de detentos com dependência química, além de quatro pavilhões para os presos.

A obra do CDPM II recebeu investimentos do Governo Federal e do Governo Estadual, tendo sido orçada em R$ 24 milhões, sendo R$ 12 milhões e 700 mil reais de repasse do Governo Federal e R$ 11 milhões e 500 mil do Estado do Amazonas.

A nova unidade conta com 571 vagas e até o dia 3 de maio deste ano estava com 298 presos, ou seja, 52,2% da capacidade do presídio.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) considera o CDMP II um presídio modelo de gestão, onde seriam adotados procedimentos mais rígidos de triagem dos presos. Além disso, a unidade possui uma estrutura diferente das demais.

Na parte da educação, o CDP II se tornou a unidade com mais salas de aula, tendo sete no total, além de biblioteca e sala de informática. Para a saúde, a unidade tem uma ala com consultório médico e odontológico, posto de enfermagem, sala de coleta para laboratório, sala de procedimentos e celas de observação. A unidade está estruturada, também, com parlatórios, sala para atendimento dos defensores públicos, sala para videoconferência e sala de monitoramento para controle e acompanhamento das atividades da unidade prisional por meio das câmeras.

O CDPM II foi unidade onde o ex-governador do Amazonas José Melo e secretários suspeitos de desviar recursos públicos ficaram presos. A unidade foi construída na gestão do governador cassado por compra de votos.

Fonte G1

Comentar

Impakto nas Redes Sociais

                                   

 

blogimpakto.        sicride      CONTASABERTAS       horasc    acervo        kennya6    IMG 20170821 WA0024  codigoeticajor    jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web