JORNALISTAMINI

Rebelião deixa 9 detentos mortos e 14 feridos em presídio de Aparecida de Goiânia

Assassinatos ocorreram após confronto entre os próprios presos, diz Seap; corpos foram carbonizados. Motim foi provocado por invasão de grupo a alas rivais. 

pc03011Detentos do regime semiaberto fizeram uma rebelião na tarde desta segunda-feira (1º) na Colônia Agroindustrial, no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, Região Metropolitana da capital. Em nota divulgada nesta noite, a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap) informou que nove presos morreram, 14 ficaram feridos. 

A quantidade de óbitos já havia sido passada ao G1 pelo coronel Divino Alves, comandante da Polícia Militar de Goiás. Ainda conforme a Seap, uma rixa entre grupos rivais provocou o motim e os homicídios. Durante o confronto, eles atearam fogo à cadeia e os corpos foram carbonizados. A perícia realiza o trabalho de identificação. 

A Seap destacou ainda que 106 presos fugiram no momento da rebelião, sendo que 29 já foram recapturados. Outros 127 deixaram o presídio por conta da confusão, mas retornaram voluntariamente quando a situação se acalmou. 

A rebelião começou por volta das 14h e foi controlada duas horas depois. 

 

Fonte: G1

Quatro detentos fugiram da Penitenciária de Cruzeiro do Oeste

Polícia registrou a fuga após a contagem, realizada na manhã desta segunda-feira (01)   

pc0301Quatro detentos fugiram da PECO (Penitenciária Estadual de Cruzeiro do Oeste), durante a madrugada desta segunda-feira (01).

A fuga foi registrada após a contagem de presos rotineira pela manhã. 

Os presos cavaram um túnel e saíram pelos fundos da muralha usando uma corda feira com pedaços de tecido. Os agentes encontraram uma grande quantidade de terra nas camas do cubículo onde começava o túnel.

Os homens que fugiram foram identificados como Fabiano Oliveira de Amaro, Hélio Carlos Vieira Júnior, José Eduardo Rodrigues e Welligton Maicon. 

 Até o momento, ninguém foi recapturado.       

 

Fonte: catve 

Preso se mistura a visitas e foge de cadeia pela porta da frente

Segundo a polícia, há suspeitas de que a fuga tenha sido facilitada por um agente carcerário    

sc29121Um preso da carceragem da 14ª SDP (Subdivisão Policial), de Guarapuava, fugiu no último sábado (23) pela porta da frente da unidade, após se misturar entre as visitas. O nome do foragido não foi divulgado.

Segundo a Polícia Civil, a fuga ocorreu durante a visita de familiares, realizada aos sábados. Ele aproveitou o grande número de pessoas na unidade e conseguiu escapar sem ser percebido.

A polícia instaurou um inquérito para apurar o caso, já que há suspeitas de que a fuga tenha sido facilitada por um agente carcerário.

 Ainda conforme a Polícia Civil, o homem estava detido desde novembro, suspeito de ser autor de um latrocínio registrado no mês de julho, em Guarapuava.       

Fonte: catve

16 presos fogem da cadeia de Ibaiti após muro do solário ser explodido

Seis dos 16 fugitivos já foram capturados pela polícia  

sc2912Mais uma fuga de presos foi registrada no interior do Paraná. Desta vez, 16 detentos fugiram da Cadeia Pública de Ibaiti, no Norte do Paraná, na quarta-feira (27).

A fuga aconteceu no período da visita. Uma explosão no muro do solário abriu acesso para a saída dos presos.

Com capacidade para apenas 20 pessoas, a unidade tem 131 presos.

Seis dos 16 fugitivos já foram capturados pela polícia. As buscas continuam.       

Fonte: massaNEWS

Agente é espancada por detentas durante tentativa de fuga; veja o vídeo

sc26122Detentas da 9ª subdivisão Policial de Maringá espancaram uma agente de cadeia, na madrugada desta segunda-feira (25). A agressão aconteceu durante uma tentativa de fuga.

A agente foi rendida no momento em que passava pelas celas para recolher lixo e deixar cobertores para as presas. Além de abordar a mulher, as detentas espancaram a vítima. A ação frustrada foi registrada pelas câmeras da unidade.

Outro agente da unidade percebeu a ação e conseguiu evitar a fuga. Ele conseguiu resgatar sua colega após um plantonista da Polícia Civil disparar um tiro de advertência.

A unidade abriga 32 mulheres.

Fonte: massaNEWS

Mais artigos...

Impakto nas Redes Sociais

                                   

 

blogimpakto.        sicride      CONTASABERTAS       horasc    acervo        kennya6    IMG 20170821 WA0024  codigoeticajor    jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web