jornalista1

Gaeco prende policiais militares suspeitos tentativa de morte em Foz do Iguaçu

Os dois oficiais foram detidos na noite de sexta-feira (18)

gaeco19O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Foz do Iguaçu prendeu na noite da última sexta-feira (18), dois policiais militares acusados de participarem de uma tentativa de homicídio na fronteira.

A prisão dos militares, que não tiveram os nomes divulgados, foi confirmada pelo 14 Batalhão de Polícia militar de Foz do Iguaçu.

Os dois PMs foram levados para uma sala especial no batalhão de polícia. Os oficiais são suspeitos de tentar matar Douglas Ricardo de Oliveira, 29 anos, baleado com três tiros no dia 26 de julho deste ano na fronteira.

Os investigadores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) acreditam também que os policiais têm envolvimento na última tentativa de homicídio contra Douglas, quando homens encapuzados e armados invadiram o Hospital Municipal da cidade a procura do rapaz com o intuito de matá-lo. O GAECO deve se pronunciar sobre o caso ainda nesta semana.

Douglas teve o carro atingido por vários disparos em plena luz do dia no dia 26 de julho na rua Rio Claro, Jardim Canadá em Foz. Foram mais de 20 tiros, mas apenas três acertaram o rapaz. Ele ficou internado no hospital da cidade, mas devido a invasão registrada na madrugada de quarta-feira (16) no hospital municipal, Douglas foi transferido para um hospital em Curitiba.

Fonte: catve

Comentar

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

Impakto nas Redes Sociais

                                   

 

blogimpakto  safestore1  smartseg 
universidadedotransito acervo        kennya6      alexandrejose    codigoeticajor    jornalismoinvestigativo

Desenvolvido por: ClauBarros Web