jornalista1

Dois promotores aposentados de Brasília pedem a prisão de nove ministros do STF

Parece piada: dois promotores aposentados de Brasília pedem a prisão de nove ministros do STF Parece piada. Mas não é. Dois  promotores aposentados e desconhecidos de Brasília, Wilson Koressawa e Getúlio Alves de Lima,  encaminharam uma ação à  Procuradoria Geral do MP militar (???)  pedindo "a decretação imediata da prisão em flagrante ou pelo afastamento" de nove ministros do STF: Dias Toffoli, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Carmem Lúcia, Rosa Weber, Luis Roberto Barroso, Edson Fachin e Alexandre Moraes. Ficoou de fora apenas o ministro Nunes Marques, indicado por Bolsonaro. 
Os tais  promotores acusam os membros do STF de "estarem em curso nas penas de crimes permanentes e inafiançáveis contra a Ordem  Constitucional e o Estado Democrático de Direito".
Ou seja: não é nada, não é nada... não é nada.

Comentar

vetenuo

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

bannerdisponivel

Impakto nas Redes Sociais

                                  Saiba os benefícios de usar o LinkedIn para a sua vida profissional - IFS -  Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe 

blogimpakto  acervo    csp   jornalismoinvestigativo   fundobrasil   Monitor da Violência – NEV USP   Capa do livro: Prova e o Ônus da Prova - No Direito Processual Constitucional Civil, no Direito do Consumidor, na Responsabilidade Médica, no Direito Empresarial e Direitos Reflexos, com apoio da Análise Econômica do Direito (AED) - 3ª Edição - Revista, Atualizada e Ampliada, João Carlos Adalberto Zolandeck   tpnews

procurados

Desenvolvido por: ClauBarros Web